Praça Alencastro se torna cartão postal de Cuiabá

October 3, 2017

Construída em 1882, pelo presidente da província de Mato Grosso, coronel José Maria de Alencastro, a praça que leva seu nome ‘Praça Alencastro’ foi entregue à população de Cuiabá nesta semana, após R$ 300 mil em investimentos com recursos do Fundo Municipal de Meio Ambiente. O evento ocorreu exatamente 135 anos depois da sua inauguração, também em setembro, mas nos tempos áureos, com uma festividade que se iniciou de manhã e terminou à noite, com um baile de gala. 

A reabertura da praça cumpre mais uma etapa do plano da Prefeitura de Cuiabá que propõe a revitalização de todo o Centro Histórico de Cuiabá para os seus 300 anos, que ocorrerá em 2019. Conforme o secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Juarez Samaniego, as obras se iniciaram em março, com o final das chuvas do período, e finalizaram em setembro. “Vamos ampliar os investimentos a outras praças, que são excelentes espaços de lazer, cultura e cidadania para a população”.

A reforma ocorreu em parceria com investimentos público e privado, com doação de materiais de construção e outros bens. Uma das empresas parcerias foi a Rede Amazônia Petróleo que doou mais de R$ 15 mil em pisos e cerâmicas. “A empresa nasceu em Cuiabá e hoje estamos com 16 unidades abertas. Poder contribuir com a preservação do nosso patrimônio histórico e cultural é uma das missões da Rede”, afirmou o gerente administrativo da Rede Amazônia Petróleo, Antônio João Higa.

HISTÓRIA

Conforme o historiador e representante do Instituto Histórico e Geográfico de Mato Grosso, Lourembergue Alves, por quase 10 décadas o jardim da praça foi todo circundado por um belo gradil de ferro e quatro portões, cujo principal ficava em frente da Câmara Municipal; o segundo portão para o Palácio do Governo e os outros dois para a Avenida Getúlio Vargas e Rua Cândido Mariano. “Os ‘granfinos’ se reuniam na parte interna onde havia bancos de madeira e os ‘plebeus’ na externa”.

As grades foram retiradas com o processo de modernização da capital mato-grossense, no fim dos anos 30. Em 1909, ganhou um coreto (este foi transferido, posteriormente, para a praça Ipiranga), adquirido na e teve seus flamboyants exóticos substituídos por acácias brancas. A luz elétrica foi inaugurada em 1919, durante a administração do prefeito Vicente Emílio Vuolo (1962-1966).

 

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Please reload

© 2017 visitecuiaba.com.br. Todos os direitos reservados à ABIH-MT.
Associação Brasileira de Indústria de Hotéis de Mato Grosso - Cuiabá - MT

Fone: (65) 98471-7114

Email: abihmt@gmail.com

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - White Circle