Prefeitura de Cuiabá reinaugura o Museu da Imagem e do Som

June 7, 2018

 

Durante a celebração de estreia do novo Misc, foram homenageadas personalidades ilustres que fizeram com que o museu se tornasse uma realidade.

O prefeito Emanuel Pinheiro e o diretor de Projetos Especiais do Instituto do Patrimônio Histórico Nacional (IPHAN), Robson Antônio de Almeida, entregaram, nesta terça-feira (05), o Museu de Imagem e do Som de Cuiabá “Lázaro Pappazian” – MISC. A restauração do espaço faz parte das 16 ações aprovadas para Cuiabá por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC Cidades Históricas), atual “Agora é Avançar”.

 

A reinauguração preparada pela Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Turismo ofereceu aos visitantes uma noite repleta de redescobertas, valorização da memória do povo cuiabano e homenagens aos precursores da idealização do museu, inaugurado originalmente em 30 de dezembro de 2004. Em 2006, o espaço passou por um processo de ampliação, funcionando ativamente por 10 anos e em 2018, a Prefeitura de Cuiabá, em parceria com o IPHAN, entregou sua restauração completa.

“Estamos muito felizes por estar aqui devolvendo ao Centro Histórico um museu que faz um resgate da nossa história, das nossas tradições e é repleta de grandes personagens que construíram e fizeram essa cidade tricentenária, amada por todos nós. Aqui, temos todo um acervo audiovisual, a história da imagem e do som, eternizadas pelas lentes geniais de Lazzaro Papazian – o Chao e de Nenê Andreato. Este é mais um presente para a cidade, reforçando a nossa proposta de revitalização de toda a antiga região central, em respeito à identidade cultural cuiabana e à necessidade de valorizar esse pedaço de chão abençoado, onde tudo começou - formando a história de uma cidade que representa 300 anos dentro da extensa jornada do Brasil”, ressaltou o chefe do Executivo.

A obra, que faz parte das 16 ações que contemplam Cuiabá pelo governo federal, são conduzidas pelo Ministério da Cultura, por meio do Iphan, e visam o desenvolvimento das cidades históricas brasileiras. No caso do MISC, a revitalização recebeu investimentos de aproximadamente R$ 732 mil.

“Sabemos a atuação que o MISC tem nesse centro histórico e que ele faz parte de uma ação mais integrada nesta parceria do Iphan com a Prefeitura de Cuiabá, que já está trabalhando para as comemorações dos seus 300 anos. Estamos entregando mais esta obra, temos outras em execução e sentimos que a parceria com a gestão municipal é firme, pois sabemos do seu empenho na concretização dessas revitalizações. E o que esperamos é um centro vivo, com gestores comprometidos com a população. O programa está atuando em outras 43 cidades do Brasil e todo esse trabalho que desenvolvemos é para qualificar os espaços públicos e trazer qualidade de vida para quem mora nesses municípios. Aqui, eu consigo notar um sentimento de pertencimento muito forte. As pessoas amam o patrimônio, por isso acredito que seja apenas uma questão de ajustes para que tenhamos este centro totalmente requalificado. Parabéns Cuiabá e estamos reafirmando esta parceria da instituição com esta importante Capital para o nosso país”, afirmou o diretor de Projetos Especiais do IPHAN, Robson Antônio de Almeida.

O espaço já conta em sua essência com os acervos fotográficos dos artistas Lázaro Papazian (com mais de 25.000 fotos) e do Eurípedes “Nenê” Andreato (aproximadamente 8.000 fotos), todas digitalizadas e de acesso público para pesquisadores. Das mostras permanentes, o museu traz também salas com o acervo do ator Liu Arruda, as memórias musicais do mestre Inácio, a memória do cinema, com projetores do antigo Cine Teatro e fitas em VHS e a memória do rádio, com uma grande quantidade de discos de vinil, fitas cassete e equipamentos de radiodifusão, permitindo que o visitante conheça a Cuiabá de todos os tempos.

 

Nesta versão contemporânea, o museu apresenta salas ambientadas para dar vasão à arte cuiabana, como um espaço que retrata a trajetória dos 25 anos do grupo Flor Ribeirinha, um outro ambiente dedicado ao intercâmbio para exposições itinerantes, como a do artista moçambicano Hermínio Nhantumbo, além de um auditório com capacidade para 80 pessoas, onde foi apresentado o projeto de revitalização do Beco do Candeeiro.

“Fizemos questão de manter o que já tínhamos e inserir o que estava faltando, para trazer ainda mais atrativos para o museu, mantendo este espaço vivo. Estamos muito orgulhosos de estar devolvendo este local para a sociedade cuiabana, oferecendo aos estudantes, professores e pesquisadores um riquíssimo acervo, que sempre vai trazer em primeira mão a história de Cuiabá, além de abrir espaço para outros artistas exporem seus trabalhos, em qualquer segmento”, disse Francisco Vuolo, secretário municipal de Cultura, esporte e Turismo.

 

Durante a celebração de estreia do novo Misc, foram homenageadas personalidades ilustres que fizeram com que o museu se tornasse uma realidade. Os saudosos fotógrafos Lázaro Papazian e Euripedes “Nenê” Andreatto foram respectivamente representados por sua filha, Yolanda Papazzian e esposa, Rosemary Andreatto. Os demais homenageados foram Aníbal Alencastro, que contribuiu com toda sua paixão pelo cinema e a fotografia, a cineasta e ex-secretária de Cultura do município, Glória Albuês - representando a classe artística - e o professor-historiador e idealizador do MISC, Carlos Alberto Rosa.

“Neste momento, eu quero agradecer ao prefeito Emanuel Pinheiro pela realização deste feito e ficaremos mais felizes se todo o Centro Histórico passar a ser visto como um complexo. Gostaria de fazer essa sugestão, para que dentro de suas possibilidades e esforços, o gestor faça o coração da cidade bater com mais alegria, investindo na estrutura física da região, com aterramento de sua fiação, para que aqui dentro deste cenário possamos fazer filmes de época. E aproveito ainda para falar de um lugar onde nosso coração navega, que é o Rio Cuiabá. Queremos incentivá-lo a trazer o saneamento e a despoluir essas águas, talhando seu nome como aquele titular que não teve medo de assumir esse grande desafio”, concluiu Glória Albuês.

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Please reload

© 2017 visitecuiaba.com.br. Todos os direitos reservados à ABIH-MT.
Associação Brasileira de Indústria de Hotéis de Mato Grosso - Cuiabá - MT

Fone: (65) 98471-7114

Email: abihmt@gmail.com

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - White Circle