Evento celebrará 300 mulheres que fizeram história em Cuiabá

January 31, 2019

As homenageadas estão ligadas a educação, arte e nas mais diversas qualificações científicas, como na medicina e no direito.

Em homenagem ao mês das mulheres e aos 300 anos de Cuiabá, a Academia Mato-Grossense de Letras (AML) está organizando a mostra cultural “300 mulheres: Letras, histórias e equidade”. O evento, que ocorrerá no dia 14 de março, na Casa Barão, sede da AML, é gratuito,às 19h, terá homenagens a 300 mulheres, lançamentos de livros, sarau de poesias e histórias de luta pela igualdade.

A juíza e membro da AML, Amini Haddad, coordenadora do projeto, aponta que o objetivo é reverenciar 300 mulheres que fizeram história em Cuiabá. “Nós estamos em um período que retrata muito a história da nossa cidade e o mês de março tem uma expressão de uma luta histórica e permanente na questão da equidade na construção de parâmetros que sejam mais igualitários na sociedade”, contou Amini Haddad.

A ideia somou a data comemorativa dos 300 anos da Capital de Mato Grosso para trazer a tona 300 mulheres que construíram e contribuíram com Cuiabá. São mulheres do passado e do presente. “Que fazem ou fizeram de suas vidas algo muito maior do que elas mesmas”.

 

Haddad informou ao Circuito Mato Grosso que o objetivo da AML é realmente significativo, é florescer a ideia de que todas as mulheres podem contribuir. “São pessoas com histórias magnificas e árduas”.

 

A juíza pontuou que as homenageadas estão ligadas a educação, arte e nas mais diversas qualificações científicas, como na medicina e no direito. Elas não são necessariamente cuiabanas. Um exemplo, é trazer as primeiras magistradas da região. “É importante divulgar, pois elas são pioneiras. Fizeram parte da história, deram visibilidade para essa pretensão de equidade”, detalhou Haddad, reforçando que ainda hoje é forte a exclusão social que se tem com o feminino.

 

“Precisamos, sim, falar sobre isso, para que os horizontes sejam modificados, que a gente possa viver em uma sociedade muito mais igualitária“.

 

Terão também no evento a apresentação de peças de artesãs mato-grossenses, rodas de declamação de poesias, mostra de livros e pesquisas elaboradas por estudiosas da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e da Universidade Estadual de Mato Grosso (Unemat).

 

300 mulheres: Letras, histórias e equidade

 

Quando: 14 de março

 

Onde: Casa Barão, sede da AML

 

Horas: 19h

 

Valor: Gratuito

 

 

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Please reload

© 2017 visitecuiaba.tur.br. Todos os direitos reservados à ABIH-MT.
Associação Brasileira de Indústria de Hotéis de Mato Grosso | Sede Cuiabá - MT

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - White Circle